Data driven: veja como dar mais competitividade ao negócio
Você conhece os tipos de inovação que a sua empresa precisa?
Você conhece os tipos de inovação que a sua empresa precisa?
janeiro 24, 2019
resistência à mudança organizacional
Resistência à mudança organizacional: quais os principais desafios?
fevereiro 7, 2019

Data driven: veja como dar mais competitividade ao negócio

data driven

data driven

Ao falarmos de inteligência corporativa a expressão mais atual é data driven. É muito importante que as organizações mantenham seus olhos atentos ao que pode oferecer essa maneira de compreender o poder do tratamento correto e também o proveito de informações.
O data driven oferece dados que orientam os negócios a apresentar maior competitividade no mercado. Relacionado a ele está a análise preditiva, que diz respeito à competência de induzir tendências com base na união de dados provenientes de várias fontes. Quer saber o que é o data driven, os benefícios que oferece e como implementá-lo em sua empresa? Então continue a leitura deste artigo e descubra!

O que é data driven?

O data driven é o marketing conduzido por dados coletados sobre o cliente por meio das novas ferramentas tecnológicas disponíveis atualmente. Esses dados são tão essenciais quanto a criatividade e qualidade dos anúncios para gerar resultados, visto que as ideias e decisões da empresa passam a se basear na análise deles.
Clientes de qualquer ramo querem trabalhar com empresas que apresentem interesse pelas mesmas coisas, que consigam prever o que eles querem antes mesmo de fechar um negócio e que estejam comprometidas com qualidade da relação com o usuário.

Qual o objetivo do data driven?

Melhorar as estratégias e os processos de marketing para responder às necessidades dos consumidores e a todas as tendências a partir da análise de dados e de uma visão mais profunda sobre o que os clientes desejam. Isso ocorre porque quando as marcas percebem tudo relacionado aos seus esforços de marketing elas têm condições de tomar decisões melhores.

Como ele pode ser aplicado na empresa?

Diversas organizações já estão aprimorando suas análises e otimizando o desempenho do negócio com a introdução de ferramentas e técnicas de data driven no dia a dia. Análises confiáveis estão sendo feitas por meio do diagnóstico e mapeamento dos dados de eventuais parceiros e de clientes.
A conhecida Black Friday — sexta-feira de descontos que ocorre uma vez ao ano — é um ótimo exemplo. Para otimizar as campanhas de marketing por e-mail e aumentar as vendas no dia promocional acontece uma análise minuciosa dos dados dos clientes para que seja realizada uma intervenção voltada às pessoas certas, no instante correto e com uma linguagem apropriada e, com isso, impulsionar as vendas.
A startup Wine é outra aplicação do data driven famosa por ser o primeiro clube do vinho do País. A estratégia da organização foi desenvolvida em uma plataforma que torna as campanhas de e-mail marketing automatizadas. É possível disponibilizar conteúdos personalizados e ligados ao perfil do consumidor, o que só melhora o seu engajamento e experiência. Para tal, são apurados e verificados dados de compra e feedback de consumo dos clientes.

Quais são os principais benefícios que o data driven traz para a empresa?

Mensagens e conteúdo relevantes

O predicado mais significativo para uma campanha de marketing é uma mensagem relevante. É necessário personalizar seus conteúdos conforme a sua persona e os interesses dela. Pelo fato de ser baseada em dados a estratégia de data driven colabora para distinguir o que é realmente importante para o seu público.

Segmentação dos consumidores certos

A fim de otimizar a separação do seu público, diversas organizações escolhem fazer a estratégia de data driven. Ao obter as informações e dados certos, as marcas conseguem identificar de forma mais precisa quem está envolvido com seus esforços de marketing em cada um dos canais e também em que horas do dia eles estarão ativos. Com isso, é possível auxiliar na concentração dos esforços de marketing nos momentos mais efetivos e pelos meios corretos.

Realização de testes A/B

Realizar testes A/B é a forma mais eficaz de aprimorar sua estratégia de marketing e manter o foco no seu objetivo. Com eles, é possível realizar dois testes mudando somente uma variável e também analisar o que trouxe resultados melhores. Assim, não se perde tempo deduzindo o que pode ou não funcionar melhor com as personas.
Com a estratégia de data driven os testes excluem a necessidade de realizar suposições e possibilitam que você tome decisões com base em números, o que reduz a chance de a sua decisão ocasionar falhas futuramente.

Como implementar o data driven na empresa?

Atualmente, os profissionais da área de marketing têm à disposição um grande número de plataformas, tecnologias e diversas fontes de dados para utilizar, o que os auxilia a otimizar o desempenho de marketing, orientar os consumidores certos e criar novos planejamentos estratégicos.
A próxima tarefa para esses colaboradores é se ambientar com o que está disponível para eles atualmente ou correr o risco de perder no domínio digital para as empresas que apresentam uma abordagem mais atualizada do data driven. Uma abordagem que se respalda nesse conceito e que é uma ótima forma de se inserir no mercado digital é o marketing de conteúdo.
Normalmente, o ponto crucial para ter sucesso com as estratégias de data driven é planejar, testar, verificar, repetir, reimplantar e mensurar esses dados de maneira correta, visto que terá conseguido informações suficientes para organizar seu percurso de ação.
Além de tudo, decida o que está sendo mensurado e como será possível ter sucesso. Para que isso aconteça, é necessária a utilização de algumas medidas e de testes A/B para ver o que pode funcionar melhor e, depois, fazer a comparação dos resultados aos seus KPIs (indicadores de desempenho) originais. Com isso, invista em conformidade, levando em conta a verificação de novos dados para ajustar seus esforços de marketing continuamente.
Por fim, o aperfeiçoamento da tecnologia permite que tudo seja medido. Esse potencial deve ser aproveitado pelas organizações que querem apresentar um diferencial competitivo, visto que possibilita o aproveitamento de oportunidades de negócio, elevando a rentabilidade e se consolidando no mercado atual. O data driven está disponível para possibilitar o domínio dos dados que englobam os cenários em que a organização está inserida.
Você curtiu as vantagens de adotar o data driven? Então continue a sua visita no blog e leia nosso outro post “Entenda o que é BIG DATA e por que é um dos assuntos do momento” para saber mais sobre o assunto!