CIO (Chief Information Officer): 7 características essenciais do futuro
startups no brasil
O que o crescimento de startups no Brasil ensina sobre inovação?
junho 4, 2018
transformação digital
Transformação digital: como se adaptar a essa realidade?
junho 13, 2018

7 características essenciais do CIO (Chief Information Officer) do futuro

As transformações do mercado geram mudanças que envolvem o avanço tecnológico e a valorização de alguns perfis profissionais. Nesse cenário, o CIO (Chief Information Officer) do futuro precisa buscar formas de se destacar e apresentar conhecimentos de estratégia, de liderança e de gestão.

A fim de ser um líder que gera motivação e crescimento na equipe, o CIO precisa estar preparado para identificar e desenvolver algumas competências pessoais.

Esse é um ponto fundamental para o sucesso de uma companhia que deseja contar com uma figura de liderança eficiente e aproveitar ao máximo a tecnologia para alcançar seus objetivos.

Cada vez mais, esse profissional será desafiado a liderar uma tecnologia da informação (TI) ágil dentro de uma empresa digital. Pensando nisso, preparamos este artigo com algumas das características e habilidades essenciais para evoluir na carreira e se destacar como um grande CIO. Boa leitura!

1. Ser estratégico

O CIO é responsável por fazer com que a organização tire o máximo valor da tecnologia para o benefício da empresa e de seus clientes. Ele precisa pensar em estratégias para usar a tecnologia de forma que ela possa desempenhar um papel de relevância na operação do negócio.

Mais do que desenvolver planos e métodos, é essencial ser apto, proativo e aberto para conseguir identificar as oportunidades que geram valor.

É preciso saber, inclusive, o momento de se afastar e deixar que a equipe continue as atividades com autonomia, alinhada aos objetivos definidos e à visão futura. Também é entender de que maneira a equipe pode trabalhar com mais eficiência, transparência e colaboração e desenvolver estratégias para que isso seja viabilizado.

2. Ter visão de futuro

Esse é o ponto de partida que guia o CIO e seu grupo de trabalho pela rota correta, a fim de alcançar os resultados pretendidos. É preciso estar atento aos movimentos da organização e do mercado e ter clareza de qual caminho seguir e como direcionar a empresa e a equipe.

Desenvolver essa competência requer muito estudo e dedicação, incluindo a participação em eventos, grupos de discussão e treinamentos, além de leituras individuais. Tudo isso cria um grande diferencial. Os CIOs com esse conhecimento são os que têm capacidade de promover grandes transformações nas empresas.

3. Apresentar-se como um bom líder e ser colaborativo

Desenvolver seu espírito de liderança é um ponto crucial. Assim sendo, torna-se fundamental saber gerir pessoas e desenvolver um bom relacionamento com elas — mantendo os colaboradores motivados e engajados para o cumprimento dos objetivos propostos.

Um verdadeiro líder não se omite do trabalho ou simplesmente delega tarefas. É preciso acompanhar as atividades e ser exemplar acerca de tudo o que é exigido, incluindo o cumprimento de prazos com comprometimento.

Da mesma maneira, é importante dar o devido espaço para os membros da equipe atuarem com autonomia, de forma que todos estejam confiantes para realizar suas funções da melhor maneira. Um bom líder deve conduzir os trabalhos como alguém capaz de entender e assumir os riscos.

4. Saber se comunicar

Hoje em dia, não é raro que um CIO precise lidar com diferentes perfis culturais e geográficos — desde jovens talentos até clientes totalmente diversificados.

Por esse motivo, é indispensável que o profissional tenha uma boa capacidade de comunicação. Ela não deve estar restrita apenas ao ambiente corporativo, no qual apresentações e reuniões são constantes. É relevante ter uma boa comunicação com todos os setores da empresa, incluindo fornecedores e demais diretores.

A falta de habilidade em se comunicar de forma clara, objetiva e eficiente, muitas vezes, interfere na satisfação de clientes e de colaboradores que se relacionam com esse executivo.
Atenção e domínio sobre a comunicação implica saber divulgar as informações com exatidão e receber dos outros profissionais o retorno adequado do que se espera com a mensagem.

5. Estar sempre atualizado

Muito além de um aprendizado sólido, restrito a um período de tempo, é necessário que a atualização seja constante, principalmente sobre as principais tendências do mercado. O crescimento profissional na agitada área da tecnologia da informação depende de manter-se atualizado.

O conhecimento necessário pode ser adquirido por meio de cursos, de treinamentos ou, ainda, de pesquisas próprias, demonstrando iniciativa e senso de responsabilidade. Essa experiência pode fazer com que a organização invista no que há de mais atual e otimize ainda mais as operações.

Essas atitudes refletem diretamente nos resultados dos negócios. Os ganhos podem ser em diversas áreas, gerando eficiência, aumentando a produtividade e desenvolvendo excelência no atendimento ao cliente, por exemplo.

6. Estar aberto a mudanças e fomentar a inovação e a criatividade

Com os avanços da tecnologia e as constantes mudanças de padrões e de comportamentos do mercado, não há mais espaço para a inércia. A nova ordem é se reinventar. Por isso, o CIO do futuro precisa estar aberto a mudanças, aproveitando suas ideias e sua capacidade de transformação. A concorrência digital se desenvolve a passos largos e faz com que executivos e gestores de TI se preocupem também com pontos como inovação e criatividade.

De forma simples, esses aspectos consistem em implantar novas soluções que tenham usabilidade e proporcionem ganhos à empresa, seja por meio do aumento da receita ou pela redução dos custos vigentes.
Antecipar-se às movimentações e necessidades do mercado também é fundamental para estimular o desenvolvimento.

Agilidade, big data, internet das coisas, UX, inteligência artificial, cloud computing e outras novas realidades no universo da tecnologia devem ser convertidas em negócios e possibilidades de crescimento.

7. Ser direcionado e orientado a resultados

Foco e direcionamento são essenciais para criar estratégias orientadas para o alcance de resultados positivos na organização. Também é significativo realizar um rigoroso gerenciamento das atividades e operações em andamento, garantindo soluções eficientes e efetivas para os problemas do dia a dia.

Estabelecer um ambiente regido pela transparência, no qual os objetivos estratégicos e os resultados-chave (OKRs) estejam plenamente definidos, deve ser uma das principais missões do CIO. Certamente isso trará grandes benefícios para a empresa.

Gostou do post da Mooven Consulting? Compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outros colegas a descobrir as características essenciais do CIO do futuro! Para mais publicações como essa, continue acompanhando nosso blog.